dd/mm/aaaa



Osba - 30 Anos

Galeria de Fotos

Como parte das comemorações dos 30 anos da Orquestra sinfônica da Bahia, nos dias 11 e 12 de dezembro de 2012, o Teatro Castro Alves realizará o Seminário.Osba, cujo o propósito central é promover um debate acerca de diversos assuntos relacionados ao cenário orquestral brasileiro, a partir da escuta de estudiosos, artistas e gestores públicos. Gestores públicos, músicos, professores, jornalistas, estudantes, pesquisadores da área cultural e interessados em geral, podem participar do evento mediante inscrição gratuita pelo endereço seminário.osba@tca.ba.gov.br. O evento inédito é promovido pela Secretaria de Cultura do Estado, Funceb e Teatro Castro Alves, dentro das comemorações de 30 anos da Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA). “Propomos um convite à reflexão sobre o atual contexto e os desafios das orquestras de concerto, a partir da própria experiência da OSBA, com 30 décadas de experiência, e  uma história e desempenho que a colocam entre os grandes conjuntos sinfônicos do país”, afirma o diretor artístico da orquestra baiana, maestro Carlos Prazeres.

Especialistas e gestores das mais importantes orquestras do Brasil estarão participando do Seminário, debatendo diversos aspectos da trajetória destes grupos, como A captação de recursos, A comunicação e as novas mídias no cenário sinfônico, As orquestras no Brasil e no mundo, A músico e o servidor público, Bastidores das orquestras, Formação de novos públicos, Corpo artístico e a comunidade. Entre os palestrantes e expositores, o maestro Carlos Prazeres, da OSBA; Luiz Antonio de Assis Brasil, secretário de Cultura do Rio Grande do Sul; Ricardo Blay Levisky, sup. executivo da Orquestra Sinfônica Brasileira; Mateus Simões, gestor da Orquestra Petrobras Sinfônica; Mônica Rischbieter  e Mara Moron, diretoras do Complexo Cultural Teatro Guaíra, Curitiba;  Claudia Toni, consultora da Fundação Padre Anchieta e membro da International Society for the Performing Arts, e Marcelo Lopes, diretor da Orquestra Sinfônica de São Paulo –OSESP.

 

Programação do dia 11:

 

9h - 10h - PALESTRA: 30 Anos da Orquestra Sinfônica da Bahia - história e desafios - Carlos Prazeres – Diretor Artístico da OSBA                         

10h - 10h30        INTERVALO

10h30 - 12h30  - PAINEL: Orquestras da iniciativa privada           

A captação de recursos no cenário nacional - Orquestra Sinfônica Brasileira - Ricardo Blay Levisky (Superintendente Executivo)

Comunicação e novas mídias no universo sinfônico - Orquestra Petrobrás Sinfônica – Mateus Simões (Gestor de Projetos e Novas Mídias)

12h30 – 14h30   ALMOÇO            

14h30 - 16h30 - PAINEL: Corpos artísticos públicos

A experiência da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Cláudio Santoro - Afonso Galvão (Diretor de Projetos e Relações Institucionais )                 

A experiência da Orquestra Sinfônica do Paraná – Mônica Rischbieter  e Mara Moron (Diretora presidente e Diretora artística do Complexo Cultural Teatro Guaíra)

16h30 - 17h        INTERVALO

17h – 18h - PALESTRA: Músico e servidor público - algumas reflexões - Luiz Antonio de Assis Brasil (Secretário de Cultura do Rio Grande do Sul)

 

Para conferir a programação do dia 12, é só acessar 30 anos de Osba

Data: 11/12/2012

Horário: 09:00

Valor: Gratuito

Teatro Castro Alves - Praça Dois de Julho,s/n, Campo Grande, CEP 40080-121 - Salvador - Bahia - Brasil Telefone: (71) 4000-1139