dd/mm/aaaa



Toca Raul

No fim de semana em que completaria 70 anos, o baiano Raul Seixas (1945-1989) – um dos maiores ícones do Rock nacional – será homenageado com uma série de apresentações artísticas no Teatro Castro Alves. No domingo, 28 de junho, às 11h, dia do rock e do aniversário de Raul, o público confere mais uma edição do projeto DOMINGO NO TCA que desta vez apresenta o show “10 Mil Anos Atrás”, um tributo comandado por Carlos Eládio, que integrou o grupo “Raulzito e os Panteras”, com a presença de convidados. Os ingressos, no valor de apenas R$ 1, como sempre, serão vendidos a partir das 9h, somente no dia da exibição, com acesso imediato do público ao teatro.

Quando começou, em 1962, Raul Seixas encontrou seu caminho musical no rock e formou o grupo “Raulzito e os Panteras”, que teve formações variadas. Até que, em 1967, tendo Eládio, Carleba e Mariano - que junto com Raul – gravaram um disco que viria a ser a estreia do maior nome do rock nacional: o emblemático “Raulzito e os Panteras” foi lançado em 1968 pelo selo Odeon, e é referência de rock’n roll no Brasil. A partir disso, Raul Seixas trilhou seu caminho de estrela em carreira solo, mas manteve a amizade com os Panteras. Com Eládio, a parceria musical se repetiu mais uma vez no álbum “Novo Aeon”, lançado em 1975. “Não há como conviver com um sujeito como Raulzito e sair imune disso!”, diz Eládio. Para celebrar os 70 anos do amigo e parceiro, acompanhado por experientes instrumentistas, ele apresenta o show “10 Mil Anos Atrás” que traz canções identificadas pelo próprio Raul como as mais parecidas com ele, todas anotadas numa lista que foi guardada por Eládio durante anos. Nela, estão sucessos incontestáveis como “Gita”, “Metamorfose Ambulante”, “Ouro de Tolo” e “Rockixe”.

Além da música na manhã de domingo, uma peça teatral completa o fim de semana de comemorações. Nos dias 27 e 28 de junho (sábado e domingo), às 17h, o TCA reapresenta o espetáculo infanto-juvenil “As Aventuras do Maluco Beleza”, que nasceu na edição 2009 do Edital TCA.NÚCLEO. A direção musical é de Luciano Salvador Bahia e o elenco é formado por Alan Miranda, Daniel Farias, Jarbas Oliver, José Carlos Jr., Thais Laila e Talis Castro que viverá Raulzito na peça, escrita e dirigida por Edvard Passos. A programação pensada para celebrar a memória e a obra do artista é uma iniciativa do Teatro Castro Alves, através da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb) e da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA).

Data: 28/06/2015

Horário: 11:00

Valor: R$ 1,00 e R$ 0,50 - vendas no dia, a partir das 9h, com acesso imediato do público ao teatro.

Teatro Castro Alves - Praça Dois de Julho,s/n, Campo Grande, CEP 40080-121 - Salvador - Bahia - Brasil Telefone: (71) 4000-1139